Topo

Coluna

Flávio Ricco

Bruna Marquezine vira o jogo e supera críticas em "Deus Salve o Rei"

Artur Meninea/Instagram
Bruna Marquezine foi criticada por atuação no início da novela Imagem: Artur Meninea/Instagram
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

28/04/2018 00h05

As críticas ao mau desempenho de Bruna Marquezine em “Deus Salve o Rei” foram válidas até um determinado momento da novela.

É aquela história: o encontro com a personagem demorou um pouco mais da conta.

No entanto, as correções foram realizadas e, hoje, pode-se dizer, ela está fazendo o que é possível fazer.

Mais que isso, a sua própria personagem, a princesa Catarina, não permite.

Divulgação/TV Globo
Bruna Marquezine é Catarina de "Deus Salve o Rei" Imagem: Divulgação/TV Globo

“Deus Salve o Rei” passou a contar com o trabalho de Ricardo Linhares na supervisão de texto, em um esforço para corrigir o tom e o enredo de Marquezine.

Também como outra missão, concentrar os acontecimentos nos personagens principais e tornar a novela mais fluida.

A intervenção apresenta resultados positivos, como se observa, mas também mexe com o elenco, provocando o desligamento de alguns atores e entrada de outros. Caio Blat foi dispensado enquanto Alexandre Borges e Danton Mello reforçam a trama.

“Deus Salve o Rei” chegará ao fim em 30 de julho.

*Colaborou José Carlos Nery