Topo

Coluna

Flávio Ricco

"Jesus" conseguirá salvar a dramaturgia religiosa da Record?

Munir Chatack/TV Record
Cena de "Os Dez Mandamentos", da Record Imagem: Munir Chatack/TV Record
Flávio Ricco Flavio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Flavio Ricco

Colunista do UOL*

06/05/2018 00h06

Se a partir de “Os Dez Mandamentos”, insistir com novelas religiosas foi considerada a melhor alternativa para a teledramaturgia da Record, agora, diante de resultados já não tão bons, este parece ser o momento de colocar o assunto novamente em pauta. Se vale a pena ou não insistir com elas, diante dos sinais de desgaste apresentados? Ou se a melhor escolha não seria estabelecer um rodízio entre roteiros bíblicos e não-bíblicos no hoje único horário existente?

É uma discussão que internamente passou a existir, mesmo considerando que nada poderá ser modificado tão imediatamente. Por tudo isso, “Jesus”, com produção avançada e prevista para estrear imediatamente após a Copa do Mundo, terá fundamental importância no futuro da sua teledramaturgia religiosa.

Mas que a sua exibição, independentemente de resultados ou dos interesses da igreja, não interrompa o debate entre aqueles que querem o melhor para a Record.

Deixar passar ou se acomodar com isso, poderá vir a ser o pior dos enganos.

Tiros no escuro

Para quem vive o dia a dia da Record, outro grande problema da sua dramaturgia é a falta de planejamento.

Ninguém pensa na frente. Tudo é decidido em cima da hora, quando nem sempre existe a oportunidade de escolher o melhor.

Pé na estrada

Silvia Poppovic, contratada pela Natura, tem viajado o país fazendo palestras sobre protagonismo feminino e  apresentado também um programa da empresa que vai para 1,3 milhão de consultoras por streaming.

“Estou adorando esse contato direto com o público”, comemora a jornalista.

Estevam Avellar/TV Globo
Gabriel Leone como Hermano em "Onde Nascem os Fortes" Imagem: Estevam Avellar/TV Globo

Base carioca

A equipe de “Onde Nascem os Fortes” disse adeus à Região Nordeste e agora concentra suas ações nos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro.

Os seus trabalhos de gravação estão bem adiantados.

Camaleônico

A propósito de “Onde Nascem os Fortes”, Gabriel Leone mais uma vez se destaca em produções da Globo, vivendo o paleontólogo Hermano.

É um jovem e bom ator, que em breve também estará em cartaz nos cinemas,  “Eduardo e Mônica”, ao lado de Alice Braga. 

Paulo Belote/TV Globo
Tony Correia como Manoel em “Orgulho e Paixão” Imagem: Paulo Belote/TV Globo

Vai até o fim

Tony Correia começou a gravar “Orgulho e Paixão” na Globo e vai até o fim da novela vivendo Manoel, dono de um bar que recebe intelectuais e escritores da boemia paulistana da época. As suas primeiras cenas serão exibidas no dia 10.

Tony foi considerado o primeiro galã português a trabalhar no Brasil, conhecido pelo Machadinho de  “Locomotivas” (1977), quando formou dupla com Lucélia Santos.

Quase 20

Somando entretenimento e jornalismo esportivo, Michelle Giannella está completando 19 anos de TV Gazeta.

Instagram/Reprodução
A apresentadora Michelle Gianella, da Gazeta Imagem: Instagram/Reprodução

A jornalista participa regularmente do “Gazeta Esportiva”, “Mesa Redonda” e "Troféu Mesa Redonda", que premia os destaques do campeonato brasileiro.

Até natural – 1

Em várias entrevistas, Deborah Secco tem afirmado que se inspirou em Ivete Sangalo para compor o visual da sua Karola em “Segundo Sol”.

Mas isto, claro, no lado baiano, nada a ver com a parte vilã da personagem.

Até natural – 2

E anote: também está nos planos de “Segundo Sol” uma participação de Luiz Caldas.

Muito, claro, pela importância dele no Axé Music, como ritmo predominante da novela.

E a “Fazenda”?

Logo depois do “Power Couple”, a locação em Itapecerica da Serra/SP, será alvo de uma nova mudança, desta vez para receber os cenários de “A Fazenda”.

Essa é a única certeza que a Record tem, porque sobre a questão do apresentador nada foi decidido até agora. Marcos Mion, por enquanto, não passa de uma possibilidade. Se é, também, que exista uma outra.

Nova série

A partir de amanhã, o “Jornal da Band” exibe a série “Corais, Joias do Mar”.

Reportagem de Michelle Trombelli, gravada em vários pontos do litoral brasileiro, com destaque para o trabalho dos ativistas contra a destruição e a luta de muitos para a preservação dos corais.

Divulgação
A repórter Michelle Trombelli mostra luta dos ativistas e os projetos de preservação dos corais Imagem: Divulgação

Cobertura jornalística

A Record não possui os direitos da Copa do Mundo, mas, como não poderia deixar de ser, fará a cobertura jornalística do evento, inclusive movimentando uma equipe, com base em Moscou.

Foram escalados para esse trabalho o correspondente de Londres, André Tal, o produtor Fernando Hardt e o cinegrafista Antônio Carlos.

Investimento

Apresentado por Renata Kuerten, o “Conexão Models” da Rede TV!, exibido aos domingos, a partir das 19h, passou a contar com provas inéditas e quadros exclusivos.

Recebeu também investimento em câmeras de alta tecnologia, utilizadas agora nas gravações.

Rede TV!/Divulgação
Renata Kuerten, doo “Conexão Models”, da Rede TV! Imagem: Rede TV!/Divulgação

Bate – Rebate

• A Rádio Bandeirantes FM 90.9 vem liderando a audiência das emissoras do segmento jornalístico também na Baixada Santista...
• ... De acordo com o Ibope, pesquisa realizada em abril, a emissora é a mais ouvida em Santos de segunda a sexta, das 6h às 10h, horário nobre do rádio.
• Abel Neto não tem nada com isso, mas o fato de ter chegado agora ao Fox Sports e garantido lugar na Copa da Rússia, não foi bem aceito por alguns...
• ...Tipo “janelinha do avião”...
• ... Resta saber se algum, entre os informados, tem metade da história do Abel?
• Estreia dia 8, com apresentação de Simeão Mundula,  o “Jornal da Record – África “...
• ...Um telejornal feito em Angola por jornalistas africanos, com a integração do Jornalismo da Record Brasil.
•  Por favor, apaga: Samantha Schmütz não está escalada em “O Sétimo Guardião”...
• ...Seu nome circulou na produção, mas não passou disso.
• Sheila Magalhães e Pedro Campos são os nomes cotados para comandar um novo jornal na Band, somente para São Paulo, antes do “Café com Jornal”...
• ...O informativo vai envolver parceria de profissionais do rádio e da TV.
•  Claudia Mello é outra que, em vez de “Topíssima”, fará “Jesus”, na Record.    

*Colaborou José Carlos Nery

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!