Topo

Coluna

Flávio Ricco


Xuxa, Eliana e Angélica não teriam vez na TV dos dias atuais

As apresentadoras Xuxa, Angélica e Eliana - Divulgação
As apresentadoras Xuxa, Angélica e Eliana Imagem: Divulgação
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

05/01/2019 00h06

Está na hora de parar e pensar um pouquinho: de todas as grandes redes, só o SBT mantém teimosamente uma programação infantil.

As demais, Globo e Record entre as principais, desistiram faz tempo. 

Se fosse nos dias de hoje, apresentadoras como Xuxa, Eliana, Angélica e a própria Mara, além de tantas outras, não teriam mais vez, muito menos condições de repetir o sucesso que tanto fizeram.

Diante das limitações, não conseguiriam desenvolver o trabalho que realizaram, inesquecível na vida de tantas crianças do passado, adultos de agora.

E, repare que, depois delas, nenhum outro grande nome surgiu no entretenimento infantil. Não surgiu, coincidentemente, após as limitações impostas na publicidade para as crianças. Muito mais que falta de incentivo, existe uma proibição e isto num momento em que, a partir dos dois ou três anos de vida, qualquer bebezinho sabe mexer no celular ou brincar com joguinhos dos mais ou menos inocentes, melhor que qualquer marmanjo. 

Quer dizer: não é mais permitido fazer propaganda em programa infantil, mas o acesso está mais do que nunca liberado a brincadeirinhas do tipo, quem mata o outro primeiro, por exemplo. Isso pode. 

Então tá.

Assunto sério

O proibir por proibir ou os rigores da tantas leis que são impostas, sempre provocam consequências horrorosas. Pior ainda quando tem luz de televisão em cima.

Por exemplo: quem, ou qual TV, diante das condições atuais, irá se atrever a produzir um novo "Sítio do Picapau Amarelo" ou fazer algo parecido com "A Turma do Balão Mágico", do saudoso Augusto César Vanucci? Só nos cabe lamentar.

Agora é torcer

Só resta esperar que nenhum outro impedimento venha a ser criado para embarreirar ainda mais a programação infantil, aí se considerando até os canais fechados.

A continuar do jeito que está, para a criançada só restará a internet como única opção.

Assim vamos indo

Até "Jesus", a sua história que a Record vem reproduzindo como novela, recebeu uma nova "classificação indicativa".

A terceira dela, até agora.  No começo não era recomendada para menores de 10 anos, depois 12 e agora 14. Daqui a pouco, e segundo as novas recomendações, meninos e meninas terão que esperar até essa idade para a primeira comunhão. Tudo que a novela mostra está nas aulas de catecismo.

Estreia

"Espaço para Dois", novo reality do GNT, vai estrear na terça-feira, 9 da noite. Mariana Santos e Marcelo Serrado, na companhia dos arquitetos Bel Lobo e Bob Neri, irão ajudar casais a resolver dilemas quanto à decoração da casa em que vivem.

Ao mesmo tempo, o Serrado também estará em cartaz na Globo, com "O Sétimo Guardião". Mesmo sendo produtos diferentes, emissora de outro sistema, será que não caberia melhor em outro horário?

Sonia Blota, repórter da Band - Divulgação
Sonia Blota, repórter da Band
Imagem: Divulgação

Pauta

A 46ª edição do Fórum Econômico Mundial, entre os próximos dias 20 e 23, em Davos, terá acompanhamento do jornalismo da Band.

A repórter Sonia Blota, com toda a sua experiência internacional, foi indicada para mais esta cobertura.

Pra dar barulho

O "Altas Horas", do Serginho Groisman, na Globo, neste sábado, irá receber antigos participantes do "BBB". Um preparatório para a nova edição que vem aí.
Presenças de Fernanda Keulla (13), Gleici Damasceno (18), Rafinha (8), Max (9), Dhomini (3), Marcelo Dourado (4 e 10) e Diego Alemão (7). Participações ainda de Dudu Nobre e dos MCs Kekel e Kevinho.

Sempre no azul

O "Hoje em Dia", da Record, teve em 2018 um outro ano dos mais positivos.

É o modelo do programa bem ajeitado, que funciona e sempre apresenta bons resultados. E muito disso se deve a sua equipe, entrosada, sem o estrelismo e confrontos de outros tempos.

Simples consequência

O programa do Milton Neves, continuando a se chamar "Show do Esporte" ou resgatando o antigo "Terceiro Tempo", voltará a ser apresentado a partir das 18 horas.

É uma decisão que a Band ainda não anuncia, mas que já está tomada.

Luana em ação

"Luana é da Lua", série documental com Luana Piovani para o Canal E! Entertainment, tem produção da Popcon Filmes.

O programa vai abordar temas como comportamento e assuntos do cotidiano. Previsto para ir ao ar na metade do ano.

Otaviano Costa estreia o "Tá Brincando" na Globo - Raquel Cunha/Globo
Otaviano Costa estreia o "Tá Brincando" na Globo
Imagem: Raquel Cunha/Globo

Primeiro programa

Neste sábado, 15h08, a Globo tem a estreia do "Tá Brincando", com apresentação de Otaviano Costa.
O primeiro programa conta com as participações de  Hedla Lopes, Patricia Medrado, Edinho, Roberto Carvalho e Servílio.
A música da abertura é "Vou desafiar você", cantada por MC Sapão.

Bola cheia 

Carlos Alberto de Nóbrega está mais disputado por atrações da Globo do que pelos programas do próprio SBT.

Só nesses últimos tempos, sem considerar o "Tá no Ar", na Globo, ele já fez o "Lady Night", da Tatá Werneck no Multishow, e o "Viver do Riso", da Ingrid Guimarães, no Viva. Curiosidade, só.

Falando no Carlos Alberto

"A Praça é Nossa" teve mais uma quinta-feira de glória. O último programa, com 12,1 de média e 14,1 de pico, alcançou o primeiro lugar, superando o "Jornal da Globo" e o seriado "Supergirl", no seu horário de exibição. Record em terceiro.

É a simplicidade e o humor que faz rir continuando a agradar em cheio 

Bate - Rebate

*    Série "Shippados" é o próximo trabalho da Tatá Werneck na Globo...
*    ... Por enquanto, novela nenhuma.
*    Zécarlos Machado, do elenco da Record, também está no filme "Para Francisco", adaptação do livro autobiográfico de Cris Guerra.
*    Globo ainda não tem equipe escalada para a transmissão do "Oscar"...
*    ... Ou, pelo menos, anunciada oficialmente...
*    ... Já se dão como certas as participações de Maria Beltrão e Arthur Xexéo...
*    ... A dúvida é o terceiro componente: se Miguel Falabella volta, ou se continuará Dira Paes, como foi no ano passado.
*    Nessa pegada das "pessoas desaparecidas", o "Cidade Alerta" continua com audiências muito boas na Record...
*    ... O programa adotou um jeito de contar histórias, que de certa forma acaba competindo com as próprias novelas.

*Colaborou José Carlos Nery
 

Flávio Ricco