Topo

Coluna

Flávio Ricco


Globo estuda gravar musicais de fim de ano apenas em estúdio

Nélio Rodrigues/TV Globo
Paolla Oliveira apresentou o especial Festeja Brasil Imagem: Nélio Rodrigues/TV Globo
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

06/01/2019 00h05

Não será surpresa se, já a partir deste ano, a Globo passar a gravar em seus estúdios do Rio - principalmente - e de São Paulo alguns especiais de fim de ano que normalmente são realizados em estádios de futebol ou outras locações.

O "Festeja Brasil", que no ano passado foi gravado em Belo Horizonte, com apresentação de Paolla Oliveira, está entre esses casos.       

O especial "Roberto Carlos", vale lembrar, já é feito nos Estúdios Globo e considerado um grande acerto, em questões relacionadas a custos e parte técnica. Sem contar toda a facilidade proporcionada aos convidados.

Ao pensar em concentrar esses produtos em estúdio, a Globo visa principalmente evitar problemas técnicos no momento da captação. Dizem que o último "Show da Virada", por exemplo, embalado no Recife, rendeu uma enorme dor de cabeça para a equipe de edição. Sobrou ainda para Ivete Sangalo, que não pensou duas vezes e ajudou a secar o palco, por causa da forte chuva no momento da gravação.     

*Colaborou José Carlos Nery