Topo

Coluna

Flávio Ricco


Após 10 anos, Ana Furtado volta às novelas como presidiária em "A Dona"

Ana Furtado, que volta às novelas, ao lado do marido Boninho - Reprodução
Ana Furtado, que volta às novelas, ao lado do marido Boninho Imagem: Reprodução
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

28/10/2019 17h15

"Caminho das Índias"(2009), escrita por Gloria Perez, com a personagem Gabriela, foi o último trabalho de Ana Furtado nas novelas, fora algumas participações especiais, como ela mesma.

De lá para cá, trabalhando como atriz, fez ainda dois seriados - "Louco por Elas" (2012) e "Chapa Quente" (2015).

E apenas isso.

A nota de agora é que Ana, hoje uma das principais apresentadoras da Globo, vai reviver os seus tempos de atriz em "A Dona do Pedaço", a convite do autor Walcyr Carrasco e da diretora Amora Mautner.

Nos últimos capítulos da trama, a partir de 15 de novembro, ela vai aparecer como Gerusa, uma detenta e companheira de cela de Josiane (Agatha Moreira).

Josiane será presa após tentar matar Téo (Rainer Cadete).

Tudo porque o fotógrafo tem acesso aos arquivos do celular de Fabiana (Nathalia Dill) e descobre que a namorada assassinou Jardel (Duio Botta).

A filha de Maria da Paz vai esfaquear o rapaz após um suposto encontro romântico. No entanto, ele será socorrido a tempo e levado para um hospital. Depois, contará tudo para Yohana (Monique Alfradique) e Camilo (Lee Taylor).

Por sua vez, Ana Furtado descobriu um câncer de mama em março de 2018 e concluiu o tratamento contra a doença em junho deste ano. Mesmo durante este período, ela nunca aceitou parar de trabalhar.

*Colaborou José Carlos Nery

Flávio Ricco