PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Flávio Ricco


Coronavírus faz disparar audiência da TV por assinatura

Guga Chacra, da GloboNews, canal de notícias lider da TV paga  - Reprodução / Internet
Guga Chacra, da GloboNews, canal de notícias lider da TV paga Imagem: Reprodução / Internet
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

30/03/2020 00h05

Resumo da notícia

  • Dados apontam crescimento de 36% na audiência da TV paga
  • Pandemia tem efeito direto ao prender população em casa
  • Pesquisa revela também crescimento de 118% na audiência de canais de notícia

Um levantamento realizado pela operadora Claro revela aumento de 36% de audiência na TV por assinatura, em comparação com a média geral.

O crescimento teve início a partir do dia 12 de março, um dia após a OMS (Organização Mundial da Saúde) decretar pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Com as pessoas orientadas a ficar em casa, o veículo televisão acaba se tornando uma das principais opções para informação e entretenimento.

Prova disso, a pesquisa destaca que houve um aumento de 118% da audiência dos canais de jornalismo. Número que evidencia o crescimento da demanda por fontes confiáveis de notícias.

Aliás, esta é uma oportunidade também excelente para todos chegarem à certeza de quem é quem no mundo da informação.

Ao mesmo tempo, este aumento no consumo dos canais pagos, conclui-se pelo levantamento da Claro, também desafoga o consumo via streaming no momento em que o uso da banda larga está em alta. Há uma divisão muito maior.

Ainda de acordo com o mesmo levantamento, observa-se um aumento de 61% na busca por canais de filmes e séries. Assim como um crescimento de 35% na audiência dos canais infantis.

*Colaborou José Carlos Nery

Flávio Ricco