PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Flávio Ricco


CNN nega convite a Adriana Araújo e âncora deve voltar segunda ao 'JR'

Adriana Araújo, âncora do "Jornal da Record" - Instagram
Adriana Araújo, âncora do "Jornal da Record" Imagem: Instagram
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

21/05/2020 00h05

Resumo da notícia

  • Jornalista está há quase um mês longe da bancada do "Jornal da Record"
  • Convite da CNN Brasil nunca existiu
  • Record e apresentadora têm o mesmo discurso: férias

Dentro da própria Record chegou-se a imaginar que haveria um "algo mais" no pedido de afastamento solicitado pela âncora Adriana Araújo há quase um mês. Por algo mais, uma possível transferência para a CNN Brasil.

Só que não.

Diretores da CNN Brasil, que foram companheiros dela na Record, garantem que não existiu convite nenhum e nem mesmo qualquer conversa.

E por serem próximos, reforçam que este seu afastamento do "Jornal da Record" se deu por questões pessoais. A Record, oficialmente, afirma que Adriana está em férias, sendo esta a informação que a profissional também tem colocado nas redes sociais quando questionada por fãs e amigos, sem dar mais detalhes.

A previsão é que Adriana Araújo volte à bancada do "Jornal da Record" na próxima segunda-feira (25).

Ela chegou a dar um "susto" na redação, ao postar:

"Nossa parceria foi breve, mas foi boa demais, viu?", em conversa com Sérgio Aguiar.

Mas tratou-se de um mal-entendido, porque imaginava-se um retorno de Celso Freitas, ainda longe do estúdio por orientação da emissora na questão que envolve a Covid-19.

*Colaborou José Carlos Nery

Flávio Ricco