Topo

Coluna

Flávio Ricco

"The Voice" perde dinamismo com repetição das mesmas perguntas

João Miguel Júnior /Globo
Teló, Lulu Santos, Leifert, Claudia Leitte e Carlinhos Brown comandam o "The Voice" Imagem: João Miguel Júnior /Globo
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

31/10/2016 07h00

O “The Voice Brasil”, na Globo, é sempre imbatível. Bons participantes e um programa que sabe prender a atenção de todo mundo.

Só precisava descobrir um outro jeito de identificar os candidatos. Em toda virada de cadeira ou final de música, as perguntas são sempre as mesmas: “Qual o seu nome?”, “De onde você é?”, “Canta há quanto tempo?”. Preguiça.

O formato, que vem de fora estabelecendo tudo que deve ser feito, poderia muito bem nos contemplar com algo mais dinâmico e diferente.

*Colaborou José Carlos Nery

Leia a coluna na íntegra

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!