PUBLICIDADE
Topo

Marco Pigossi posta foto tomando vacina nos EUA: 'É pra gerar indignação'

Marco Pigossi posta foto tomando vacina contra covid-19 nos EUA - Reprodução/Instagram
Marco Pigossi posta foto tomando vacina contra covid-19 nos EUA Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

05/05/2021 15h18

O ator Marco Pigossi, de 32 anos, postou hoje uma foto em que aparece tomando vacina contra a covid-19 nos Estados Unidos — onde a vacinação já atinge 44% da população.

Na legenda da imagem, o astro de "Cidade Invisível", "Tidelands" e "A Força do Querer" explica que compartilhou o registro com o propósito de gerar indignação nos brasileiros, já que a vacinação por aqui está bem atrasada no comparativo com os EUA.

"Diante de tantas perdas no nosso país, decidi postar. Porque o intuito é mesmo gerar indignação", declarou Pigossi.

Na publicação, o ator culpou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pelas mortes caudas pelo coronavírus e elogiou a conduta de Joe Biden, que assumiu o poder nos Estados Unidos no começo do ano.

Indignação com um líder que ignorou uma doença e é diretamente responsável pela morte de mais de 400 mil brasileiros. Aqui o líder que ignorava a doença foi trocado. O novo presidente, com um plano honesto e organizado, já vacinou metade da população.

Para Pigossi, mortes como a do ator Paulo Gustavo -- que faleceu ontem de covid-19 -- poderiam ter sido evitadas, a exemplo do que é feito no estado norte-americano da Califórnia, que não registra mortes por coronavírus há dois dias.

Ontem foi o segundo dia consecutivo sem mortes na Califórnia. Ontem foi o dia em que perdemos um ícone que o Brasil tanto amava.
Ontem poderia ter sido evitado. Poderia ter sido evitado mais de 400 mil vezes.

Imunizados! Os famosos que já receberam a vacina da covid-19

Vacinação: Brasil x EUA

Ontem, o Brasil chegou à marca de 32,8 milhões de vacinados contra a covid-19. No total, 32.881.298 brasileiros receberam pelo menos uma dose de imunizante, o que equivale a 15,53% da população do país.

Os dados são do consórcio de veículos de imprensa do qual o UOL faz parte, baseado nas informações fornecidas pelas secretarias estaduais de saúde.

Segundo dados atualizados ontem pela plataforma Our World in Data, da Universidade de Oxford (Reino Unido), 44,1% da população dos EUA já recebeu ao menos a primeira dose da vacina contra a covid-19, e 31,5% já foi inteiramente imunizada.

De acordo com Biden, a meta é aplicar ao menos a primeira dose da vacina contra o novo coronavírus em 70% dos adultos do país até o dia 4 de julho, Dia da Independência dos EUA.