PUBLICIDADE
Topo

Especial BBB20

Matheus diz que relação com Cacau foi sincera, mas admite atração por Munik

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

23/03/2016 00h44

Eliminado do paredão desta terça-feira (22) após somar seis pontos, Matheus falou sobre seu envolvimento com Cacau no “BBB16”. Segundo o ex-brother, a relação dos dois não funcionou porque eles são muito diferentes.

"A Cacau é grudenta e eu sou mais de boa. Ela gosta de atenção, eu sou mais largado, sou solto, não sou grude. A Cau sempre foi muito verdadeira. Não quero que ela saia, vou torcer pra ela ficar. Mas eu conversei com ela que se eu saísse hoje era porque a gente está errando de alguma forma", disse Matheus aos jornalistas nesta terça-feira, após deixar a casa do “BBB16”.

Apesar de garantir que seu sentimento por Cacau era verdadeiro, o engenheiro eletricista admitiu que se sentiu atraído bela beleza de Munik ao pisar na casa do "BBB16".

"De primeira, me senti atraído pela Munik. Na verdade, quando entrei na casa, eu desci e a primeira pessoa que eu vi foi a Cau. E foi uma coisa muito verdadeira pra mim, olhar com olhar, de energia. Já fiquei mexido pela Cau de cara. A Munik é verdadeira, sincera, tem um jogo aberto, mas de primeira foi uma atração física mesmo, pensei 'oh, gata essa menina'", disse.

Sobre os desentendimentos que teve com Geralda dentro da casa do "BBB16", Matheus preferiu não comentar muito sobre o assunto, mas garantiu que nunca desrespeitou a sister.

"Sempre pensei nisso de respeito pela idade. Eu tinha a Geralda como uma mãe, uma avó. Isso dela falar que não votava em mim e votar, me pirou", disse.

Eliminado na reta final do jogo, Matheus se diz conformado com a sua saída. "Estou muito tranquilo, com a sensação de que fiz tudo o que podia fazer, aproveitei ao máximo as festas. Entrei com a mentalidade de me divertir e foi isso que fiz o tempo todo na casa. Saí porque faz parte do jogo. Não sei onde perdi, talvez porque o pessoal goste muito da Geralda".

O bagunceiro

Matheus, 25 anos, é engenheiro eletricista e mora na cidade de Barra Longa (MG). O mineiro foi um dos quatro participantes que ficaram escondidos no andar de cima da casa e disputaram duas vagas para o "BBB16". O moreno conseguiu uma das vagas com dona Geralda e ficou conhecido pelo público depois de revelar que sua mãe foi afetada pelo rompimento das barragens da mineradora Samarco, em Mariana. O brother foi, inclusive, aconselhado pela advogada Adélia a incentivar sua mãe a processar a mineradora.

Em seu vídeo de apresentação, Matheus disse que não é um cara "pra namorar". Entretanto, logo que chegou, se envolveu com Maria Claudia e foi alvo de diversas críticas e desconfiança por parte da maioria dos brothers. Durante todo o confinamento, o casal teve diversas discussões e brigas, principalmente após as festas. Enquanto Matheus afirmava que estava solteiro e não queria se estressar, Cacau agia como se os dois estivessem namorando e planejava casar e ter filhos com ele.

Especial BBB20